sexta-feira, 24 novembro, 2017 - 16:13
Capa » Índice - Ordem Cronológica » Cientistas criam primeiro hambúrguer feito de células-tronco
Cientistas criam primeiro hambúrguer feito de células-tronco

Cientistas criam primeiro hambúrguer feito de células-tronco

                                                                                                                            David Perry/Reuters



O cientista neozelandês Mark Post, da Universidade de Maastricht, conseguiu criar, em laboratório, o
 primeiro hambúrguer de carne a partir de células-tronco bovinas. A carne apelidada de “Frankenburger” pela imprensa (uma referência ao monstro Frankenstein) pesa 142 gramas, custa 250 mil euros (mais de 760 mil reais) e foi servido e saboreado nesta segunda-feira (05.ago.2013) em Londres.

                                                                                                                            David Perry/Reuters


Os pesquisadores retiraram tecido muscular de duas vacas. No laboratório, as células foram colocadas numa solução, que permite que elas se alimentem, se multipliquem e formem filamentos de músculos. Os cientistas estimam que uma única amostra de células-tronco pode dar origem a uma quantidade de carne equivalente a 440 mil bois.

                                                                                                                             David Perry/Reuters


O bife, que não tem nenhuma gordura, foi preparado por um chef de cozinha britânico com óleo de girassol e manteiga e servido em um prato com pão, alface e tomate. Dois voluntários – a pesquisadora australiana especializada em alimentos Hanni Rutzley e o jornalista gastronômico americano ¬ Josh Schonwald, saborearam o “experimento científico”. Disseram que realmente se parece com carne bovina, mas sem o sabor garantido pela gordura.


                                                                                                                     REUTERS/Toby Melville


Para os defensores do estudo, a produção de carne in vitro vai atender à crescente demanda pelo produto no mundo, especialmente nos países emergentes, garantindo o bem-estar dos animais sem provocar estragos ao meio ambiente. Mas o cientista admitiu que levará de 10 a 20 anos para que o produto chegue ao supermercado. 

http://g1.globo.com/economia/noticia/2013/08/gb-apresenta-primeiro-hamburguer-com-carne-produzida-com-celulas-tronco.html

Link relacionado:
– Nasa investe em impressora de alimentos
http://eunemsabia.blogspot.com.br/2013/06/nasa-investe-em-impressora-de-alimentos.html

Sobre Luciano Abe

Jornalista, fotógrafo, videorrepórter, documentarista, cineasta, mestrando e blogueiro com diplomas e certificados de cursos e especializações nessas áreas pela PUC-SP, Academia Internacional de Cinema (AIC) e Senac-SP.
Foi professor no Senac-SP e na editoria de treinamento da Folha de S.Paulo. Jornalista profissional diplomado (Mtb: 0068126/SP)