sexta-feira, 20 outubro, 2017 - 14:05
Capa » Brasil » Fotógrafo morto em acidente, Alexandre Severo era premiado no exterior
Fotógrafo morto em acidente, Alexandre Severo era premiado no exterior

Fotógrafo morto em acidente, Alexandre Severo era premiado no exterior

                                                                                                            Foto: Reprodução / Facebook
Fotógrafo Alexandre Severo



O fotógrafo pernambucano Alexandre Severo, uma das vítimas da queda da aeronave que caiu em Santos, no litoral de São Paulo, era reconhecido pela sensibilidade no olhar e apuro técnico. Severo coleciona uma série de prêmios nacionais e condecorações internacionais pelo seu trabalho fotográfico iniciado em 2002.


No acidente morreram o candidato do PSB à Presidência, Eduardo Campos, três outras pessoas que faziam parte da sua equipe de campanha, além do piloto e o copiloto da aeronave.

Nascido em Recife, em 1978, Severo iniciou sua trajetória profissional no “Jornal do Commercio” (JC), um dos principais jornais pernambucanos. Foi como fotógrafo da “Agência JC Imagens” – desde 2004, quando entrou como estagiário, até 2011, quando saiu do jornal –, que o profissional começou a ser reconhecido nacionalmente.

O ensaio “À Flor da Pele”, publicado em 2009 pelo JC, é um dos seus trabalhos mais marcantes. Nas fotos – que faziam parte uma reportagem especial do jornal –, Severo registra três crianças albinas nascidas em uma família de negros em uma comunidade pobre de Olinda, em Pernambuco.


                                                                                                                                 Alexandre Severo
Fotos de albinos tirados pelo fotógrafo Alexandre Severo

                                                                                                                                 Alexandre Severo
Fotos de albinos tirados pelo fotógrafo Alexandre Severo

A família dos “negro-galegos [loiros]” – como ficaram conhecidos pela reportagem –precisava de doações para comprar protetores solares especiais para as crianças. A repercussão do caso foi tamanha que o trabalho conseguiu sensibilizar não apenas a sociedade pernambucana como doadores oriundos de outras regiões do Brasil e até de outros países.


Entre os prêmios recebidos pelo ensaio com os albinos está a menção honrosa do 31º Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos de 2009 e o “Picture of The Year” (Foto do Ano, em português) dado pela agência de notícias e imagens Reuters. “O Gato” foi a imagem selecionada pela agência internacional.

Fonte: IG/David Lira
http://www.tribunahoje.com/noticia/113768/brasil/2014/08/14/fotografo-morto-em-acidente-alexandre-severo-era-premiado-no-exterior.html

Sobre Luciano Abe

Jornalista, fotógrafo, videorrepórter, documentarista, cineasta, mestrando e blogueiro com diplomas e certificados de cursos e especializações nessas áreas pela PUC-SP, Academia Internacional de Cinema (AIC) e Senac-SP. Foi professor no Senac-SP e na editoria de treinamento da Folha de S.Paulo. Jornalista profissional diplomado (Mtb: 0068126/SP)