sexta-feira, 24 janeiro, 2020 - 07:27
Capa » Economia » Sopa rende pouco dinheiro, e criador usa tartaruga para fazer xampu e creme
Sopa rende pouco dinheiro, e criador usa tartaruga para fazer xampu e creme

Sopa rende pouco dinheiro, e criador usa tartaruga para fazer xampu e creme

                                                                                             José Augusto Mota/Ibama/Divulgação
Tartaruga


O óleo extraído da gordura da tartaruga-da-amazônia está sendo usado para fabricar produtos de beleza, como xampus, sabonetes e hidratantes. O principal uso comercial do bicho, até agora, era a produção de carne para pratos tradicionais, como a sopa de tartaruga.

Com a venda de cerca de 5.000 unidades de cosméticos por mês, José Roberto Ferreira Alves, dono de uma fazenda com 27 mil animais em Araguapaz (GO), fatura entre R$ 130 mil e R$ 150 mil, enquanto a carne de tartaruga não renderia mais que R$ 25 mil por mês.

Máscara facial fabricada com óleo de tartaruga


Silvana Andrade, presidente da Anda (Agência de Notícias de Defesa dos Animais) afirma que tanto o óleo de tartaruga como a carne podem ser substituídos por produtos de base vegetal. “Não há justificativa ética para se matar animais para o consumo”, disse em entrevista ao “UOL”.

A criação de tartarugas com fins comerciais é permitida no país, desde que haja autorização e fiscalização do Ibama. 

Fonte: UOL
http://economia.uol.com.br/agronegocio/noticias/redacao/2014/02/10/sopa-rende-pouco-dinheiro-e-criador-usa-tartaruga-para-fazer-xampu-e-creme.htm

Sobre Luciano Abe

Avatar
Jornalista, fotógrafo, videorrepórter, documentarista, cineasta, mestrando e blogueiro com diplomas e certificados de cursos e especializações nessas áreas pela PUC-SP, Academia Internacional de Cinema (AIC) e Senac-SP. Foi professor no Senac-SP e na editoria de treinamento da Folha de S.Paulo. Jornalista profissional diplomado (Mtb: 0068126/SP)